terça-feira, 20 de maio de 2014

O que é sororidade?




Ai minha deusa, que que é isso?


Sororidade é como o feminismo chama a empatia e o companheirismo que as mulheres têm entre elas.

Como dito anteriormente, existem diversos feminismos para diversas mulheres e é por isso que há uma pluralidade nas causas. Existem alguns “pilares-chaves” que seriam concordâncias que todo o feminismo tem, um deles é a sororidade. Todo feminismo acredita em sororidade e preza por ela.

Um dos mecanismos do patriarcado para manter seu sistema opressor é provocar desunião entre mulheres.

“Por quê?”

Bem, porque sozinhas somos alvos mais fáceis. Quando uma mulher está sozinha em uma balada, por exemplo, é mais fácil de ser abusada. Instintivamente ou não, nós mulheres sabemos disso. Quem aqui nunca pediu para a amiga tomar conta de você na balada? Ou de ir ao banheiro? Ou aconselhando a mina a terminar o relacionamento com aquele cara otário?

E partindo de outra ótica: quantas e quantas vezes nos deparamos com reprodução de discursos machistas e pensamos "Poxa, como ela pode dizer isso? Ela é mulher!!!"?

Pois é, amiga. Ela é mulher. Mulher que não é livre dentro de uma estrutura patriarcal. Mulher que quando reproduz machismo, oprime a si mesma.

Como se posicionar diante de uma situação dessas? O correto é simplesmente virar as costas? Não, moça. Nós, como feministas e mulheres que se esforçam a cada dia para desconstruirmos machismo em nós mesmas, devemos lutar para que essa mulher, nossa irmã e mais uma sobrevivente, liberte-se. Precisamos dialogar e acolhê-la.
Muitas vezes é bem difícil, mas é um exercício de humildade e coletividade constante.

Isso é sororidade. Acolher todas as mulheres, defendê-las, criar um espaço seguro de convivência, acreditar nelas.

Sejamos unidas, porque só assim seremos mais fortes.